Para receber atualizações e novidades:

Blog

Entrevista com a personal organizer e blogueira: Alice Santos

10 de Julho de 2017 Kalinka Carvalho

Sabe quando você se conecta com uma pessoa? Ela é uma amor e me chama carinhosamente de "Diva" (risos), mas ela com certeza é que é e deve ser exemplo para muitas outras profissionais da área. Sair no quadrado as vezes é difícil, mas é preciso inovar e ser criativo para ser notada. Somos muito parecidas nisso, empreendedoras criativas, sim senhora! (risos), ambas fizemos o curso Decola Lab da Rafa Cappai. Vamos conhecer a trajetória de Alice Santos personal organizer e blogueira do Avesso do Caos. 

 

Alice Santos tem formação em organização residencial pelo SENACRJ, fez a especialização em baby organizer, organização digital e decoração prática na OZ!, Fez o curso de técnicas de dobras, práticas de organização e utilização de material com a Carol Rosa. Fez um curso de fundamentos da pscicologia aplicada a profissionais de organização no Espaço Vida e tem formação em coaching pelo Instituto Holos. Fez o DecolaLab! Curso de empreendedorismo criativo da Espaçonave. E lê muito e estuda sempre.

 

 

 

1) Kalinka: Descreva com suas palavras o que é uma personal organizer? 

Alice: Eu particularmente não gosto muito desse termo, prefiro usar profissional de organização, consultora ou especialista em organização. De qualquer forma, eu descreveria como um profissional que ajuda as pessoas a melhorar a sua relação com a casa e com a rotina usando a organização como ferramenta. Tudo isso respeitando as diferenças de cada pessoa e adaptando a realidade de cada um.

 

 

2) Kalinka: Você é personal organizer, porém não atua em campo, resolveu colocar seus conhecimentos e técnicas através do blog. Por quê? 

Alice: Eu criei a Avesso do Caos no início de 2015 depois de um processo intenso de auto-conhecimento, vindo de uma busca por propósito. Percebi que as minhas características de organização e planejamento que eu já utilizava na minha profissão (sou formada em ciência da computação e trabalho como gerente de projetos) poderiam ser utilizadas para impactar positivamente mais pessoas. Fiz cursos, aprendi as técnicas e aliei a minha paixão por escrever. Como não abandonei a minha profissão, não consigo me dedicar completamente a organização indo na casa das pessoas. Tem também o fato da atuação em campo exigir muito esforço físico e como eu tenho muito problema na coluna, achei prudente procurar uma alternativa. Foi então defini que o meu trabalho seria focado na produção de conteúdo (além do blog e posts diários no Instagram e facebook eu escrevo e-books), realização de cursos e palestras e consultoria online.

 

 

3) Kalinka: Como organiza a rotina do blog? Você possui um calendário editorial? Como os conhecimentos de personal te ajudam na organização do blog?

Alice: Fiz um post só para falar sobre a organização por trás da produção de conteúdo, mas deixa eu tentar resumir aqui. Eu me planejo e antecipo a produção dos posts sempre que possível. Mas deixo espaço para a inspiração, tenho meu tempo do ócio criativo, leio muito para exercitar esse olhar. Busco a organização em tudo ao meu redor para simplificar a linguagem técnica de profissional e atingir as pessoas no seu dia-a-dia.

Eu possuo um calendário editorial para os posts diários do Instagram e facebook, cada dia tem um tema. Para os posts semanais do blog tenho alguns temas pré-definidos como #ResenhaAvessodoCaos onde falo sobre livros de organização, mas a maioria segue muito o que vejo de inspiração no dia-a-dia.

Os conhecimentos de profissional me ajudam em tudo na organização do blog. Setorizar, categorizar, planejar, antecipar. Mas esses conhecimentos sozinhos não fazem os textos. É preciso um olhar criativo e leve sobre o tema da organização, é preciso muita leitura, muito estudo, muita dedicação para cada post.

Organização por trás da produção de conteúdo

 

 

4) Kalinka: Qual é o seu post predileto no blog? Por quê?

Alice: Difícil escolher um. Todos são feitos com muito carinho e aos poucos eu tenho evoluido na forma de escrever, na profundidade do conteúdo então tenderia a escolher um dos mais novos. Mas resolvi escolher um das antigas, sobre Organização e Perfeccionismo porque as pessoas costumam associar a organização a casas de revista e essa casa não existe.

Organização e Perfeccionismo

 

 

5) Kalinka: A quanto tempo você é personal organizer? Por que resolveu ser personal? O que mais gosta de organizar?

Alice: Desde o início de 2015. Resolvi trabalhar com organização depois de um período de desmotivação no trabalho, iniciando uma busca por um trabalho que me fizesse mais feliz. Na organização eu consigo ser eu mesma e me realizar vendo a vida das pessoas mudarem para melhor. Fazer parte desse processo, de ajudar o outro a mergulhar no próprio caos para encontrar a ordem revirando-o do avesso é muito gratificante.

Já o que eu mais gosto de organizar é a rotina. Usar calendário, agenda, bloquinhos, post-its, canetas coloridas. Tudo que faça tornar o dia-a-dia mais produtivo.

 

 

6) Kalinka: O que é necessário para se tornar um personal organizer? Cite 3 coisas boas e 3 ruins de ser personal.

Alice: Formação e ética são necessários para se tornar um profisional de organização. Você lida com a intimidade das pessoas, com seus traumas, suas resistências. A desorganização costuma estar associada a questões mais profundas e um profissional da área precisa estar preparado e ter a sensibilidade e bom senso ao lidar com isso. Não basta fazer um curso para virar um profissional. É importante se dedicar, ter empatia, flexibilidade, criatividade e muito amor.

3 coisas boas são: lidar com pessoas e conhecer um pouco da vida delas, ver a transformação e a emoção das pessoas ao perceberem sua vida organizada e a sensação de leveza que um ambiente organizado trás.

Coisas ruins são: o desgaste físico e emocional de lidar com a desorganização, falta de reconhecimento e preconceito que ainda existe por ser uma profissão nova e não existir regulamentação para a profissão.

 

 

7) Kalinka: Dê alguma dica de organização ou conselho para nossos leitores e indique algum produto de organização que acha essencial ter:

Alice: A maior dica de organização que eu posso dar é investir no auto-conhecimento. Desenvolva um olhar analítico sobre as suas coisas, a sua rotina, seus hábitos, seus gostos, seu horário em que produz mais, onde costuma utilizar os objetos, quais objetos de fato utiliza. A partir daí, organizar fica mais fácil, é desenvolver habitos simples para otimizar seu espaço e suas atividades.

Sobre um produto organizador que eu indico eu diria ganchos, eu tenho uma caixa cheia deles, são um coringa. Hoje em dia os espaços são pequenos e os ganchos otimizam o espaço, possibilitando o aproveitamento das paredes. Os adesivos são ótimos pois nem precisa furar.

 

Veja nossa foto na 3ª Conferência Personal Organizer Brasil:

Kalinka Carvalho e Alice Santos

 

E aí? Ela nāo é um amor? Para acompanhar o trabalho segue seu blog e redes sociais: 

www.avessodocaos.com.br

E-mail: alice@avessodocaos.com.br

Faceboook

Instagram

You Tube 

Pinterest 

Ela ainda tem newsletter e ebook:

   

 

Assinatura